terça-feira, 26 de maio de 2009

«Zé desgraças» ou talvez família desgraças

Depois de no sábado ter que ir de urgência para o Hospital com o meu querido porque, ao que parece, é mais que normal um quisto voltar a encher 14 anos depois...
Depois de ontem o meu querido ter partido um dos vidros do aquário e só por sorte não nos termos cortado a sério...
Hoje, por volta das oito da manhã, o meu querido dá um pontapé na porta da casa de banho, depois de sair do banho, estando, portanto, descalço, o que digamos não foi muito agradável...
10h da manhã, recebo um telefonema «Querida, o dedo está a doer muito, vou para o hospital».
Lá fui eu ter com ele que mal andava. Numa hora e meia estavamos despachados com o diagnóstico - dedo partido!
Mas a odisseia não acaba aqui.
Na empresa aconselharam-no a ir para o seguro, e para isso teríamos que nos dirigir ao Hospital d'Os Lusíadas, hospital privado, novo, limpo, grande, etc, etc, etc.
Ficámos lá 3 horas e tal, a incompetência e despreocupação médica foi mais que muita e ainda queriam que lá voltássemos amanhã para ir buscar uns papéis, uma vez que só connosco é que tinha havido um problema informático qualquer que eles não conseguiam solucionar. Eu, que tinha mantido a calma até aqui, passei-me e disse que não voltava lá amanhã e que eles teriam que mandar as coisas por correio porque já tinha lá ficado três horas e tal e nem eu nem o meu querido estávamos em condições de conduzir, portanto que resolvessem as coisas como quisessem.

Pelos vistos os hospitais privados não são tão bons assim.

E é assim a nossa vida: ela grávida de gémeos, cada vez com mais dificuldade em se mexer, ele com um dedo do pé partido e com francas probabilidades de ser novamente operado ao tal quisto renascido.

Somos a família desgraças!

3 comentários:

A minha essência disse...

óh miga, então não dizes nada, tontinha?!
Se precisarem de alguma coisa não hesites, já sabes!
Depois ligo-te para falar convosco.

Bjinhos e as melhoras para o grandalhão.

lapsus disse...

Bem, poderia dizer-te para ires à bruxa... mas ainda acontece qualquer coisa pelo caminho... Há fases assim... Tenham calma e se precisarem de alguma coisa, cá estou. Força, energia positiva, um novo aquário e socas de ferro.
BJcs

sophiarui disse...

oh join the club my dear! join the club!

beijos para vocês e para as feijocas maravilha!

e as melhoras para o dedo-Luz!